Quem és ? : Frio?

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Frio?








  Porquê?
  Uns dias
  Sai te tanta coisa da mente
  Parece que nasceste em sabedorias
  E escreves loucamente.
  Outras  vezes não nascem palavras
  Ficas com a mente vazia,
  Com o coração vazio.
- Está tanto frio, não está?
- Frio? Mas estão 30 graus, como dizes frio?
- Frio sinto frio...
- Porque choras? Pelo frio?
- Sim, quer dizer não...
  Sim pelo frio, pelo gelo pela indiferença.
- Não te entendo.
- Eu sei que não. Eu sei. Também não é para entender.
  Conseguirás ouvir me, sem  entender me?
- Sim, mas posso-te ouvir e tentar
  Entender pode ser que consiga-te ajudar, não é?
- Mas eu não quero ajuda.
- Como não??
- Sabes do que preciso?
- Não, serio que não.
- Preciso de 2 ouvidos e 2 braços.
- Rs és engraçada.
- Porquê?
- Ops estavas a falar a sério, desculpa...
  Então deixa-me ver, eu tenho 2 ouvidos e tenho 2 braços.
  Empresto-te os meus ouvidos e os meus braços. Mais alguma coisa?
- Sim...
- O quê?
- Uma voz.
- Ah uma boca.
- Não uma voz.
- Está complicado, explica me, por favor.
- Preciso que enquanto uns ouvidos me ouvem, e uns braços me enrolam uma voz me diga:
- Shiuuuuuu (baixinho)
  Vai passar, isto vai passar.
- Então usa me, anda aqui.
  Puxas me de mansinho, 
como carregando uma criança 
encostas as minhas costas ao teu peito.  
Sentámo-nos no chão, ali mesmo 
enrolaste-me com  os teus braços e disseste:
- Heis aqui os meus ouvidos
  Heis aqui os meus braços
  E agora shiuuuuuuuuuu ( baixinho)    
  vai passar, isto vai passar ...



C.

Sem comentários:

Enviar um comentário